fbpx
Conecte-se com a gente

Oi, o que você está procurando?

Área 51

Solaris, o palco DNA do Tribe Festival, regido pelo bom e velho Psytrance

Uma das festas mais tradicionais da cena nacional, o Tribe Festival mantém o psytrance como um dos seus pilares no palco Solaris.

Tribe Solaris

Quando vamos falar da cena brasileira de música eletrônica e suas diversas festas, uma sempre está presente em qualquer lista: o Tribe. Organizada por Du Serena, um nome que dispensa apresentações, a festa é destaque no calendário nacional e com certeza, foi uma das que mais sentimos falta nos últimos anos de hiato forçado. Agora, pronta para seu retorno, o evento promete ser ainda mais grandiosos.

Desde seus primórdios, o Tribe sempre apostou numa diversidade de gêneros da dance music, mas um deles está intrínseco em seu DNA: o psytrance. A sonoridade, que toma conta do palco Solaris – o “mainstage” do evento, está entre as preferidas do público raver do nosso país e não é para menos. Com grandes nomes da cena alternativa, o psytrance continua sólido e pronto para assumir o comando do festival.

Para este ano, um seleto line-up foi montado, seja com figurinhas carimbadas ou nomes um tanto desejados. Astrix, nome que, para muitos, continua um dos maiores do full on de todos os tempos, repetira sua presença no Tribe. Mesmo após tantos anos e diversas apresentações no festival, ele ainda arrasta uma legião de fãs, todos prontos para ouvirem seus maiores hits. Uma verdadeira lenda.

Outro grande conhecido do Tribe, o projeto Wrecked Machines, do brasileiro Gabe, também retorna ao evento para uma apresentação que promete ser muito especial. O artista, que é dono de um dos momentos mais memoraveis da história do Tribe – o famoso vídeo tocando ‘Enjoy The Silence‘ na Pedreira, agradará dos mais novos aos saudosistas e nos presenteará com novos momentos inesquecíveis.

Outro que é grande colecionador de fortes emoções é o brasileiro Vegas. Um dos maiores nomes do psytrance brasileiro atual, ele é uma verdadeira máquina hits. O artista é capaz de hipnotizar o público e nos fazer viajar entre suas batidas tão únicas e cheias de personalidade. Com músicas tocadas até nas Olímpiadas, Vegas nos fará transcender dentro da Fazendo Maeda.

Figurinhas constantes por aqui, Vini Vici também nos brindará com uma apresentação apoteótica. Assim como Avalon, que com toda sua experiência, nos transportará para um mundo único, acompanhado de Dekel e Reality Test. Completam o line do Solaris: Aura Vortex, Ghost Rider, Headroom, Liquid Soul e Omiki, nomes ainda não tão conhecidos por essa redação, mas que prestaremos atenção em cada detalhes de seus sets.

Um portal, acostumado em fazer coberturas de palcos de techno e mainstream, está pronto para uma nova fase. Desde que nossa Área 21 foi inaugurada, estamos nos esforçando em ampliar os horizontes e trazer vivências de outros estilos musicais, tornando nosso editorial ainda mais diverso. Que o Tribe seja mais que uma festa, mas uma verdadeira aula de psytrance para todos nós. Estamos ansiosos!

Adquira seu ingresso para o Tribe clicando aqui.

Comentários

DJ, Produtor, Redator, Libriano e Sonhador. Trance para amar e Techno para dançar, com uma taça de Gin para acompanhar. Onde é o after?

FACEBOOK

PLAY!

Leia Também:

Agenda

O DJ e multi-instrumentista suíço Jimi Jules estreia temporada de grandes aberturas no Caos, em Campinas. Comentários

Via UnderGROUND

A faixa, ‘Illuminated’, faz parte do recente álbum de Majoness, “Call to Papito”, e foi gravado com um celular. Assista agora. por Rodrigo Airaf...

Via UnderGROUND

Rene e Camila, do Binaryh, receberam o convite para estrear em Ibiza, ao lado de alguns dos maiores nomes do techno mundial. Comentários

Via UnderGROUND

A holandesa Clone Distribution encerrou contrato com a Trip Recordings, de Nina Kraviz, devido suas possíveis saídas Pró-Putin. Comentários

Publicidade

Beat for Beat © 2020 | CNPJ 16.853.408/0001-46 | (11) 98602-8789