fbpx
Conecte-se com a gente

Oi, o que você está procurando?

Mainstage

Tomorrowland Festival 2021 é oficialmente cancelado

Depois de muitas tentativas de rebater a falta de licenças municipais, o Tomorrowland decidiu adiar sua 16ª edição para o ano que vem.

Tomorrowland Festival, palco principal, 2019

Tomorrowland Festival, 2019

Infelizmente não deu para o Tomorrowland. O festival belga de música eletrônica, reconhecido por ser o maior do gênero no mundo, lançou nesta última quarta feira, 23 de Junho, uma nota oficial que todos seus fãs temiam, mas já esperavam. Apesar de todos os esforços, tanto do evento, quanto do governo federal, o evento não poderá seguir em frente depois que os prefeitos de Boom e Rumst negarem as licenças para 2021.

Depois do soco no estômago, o lendário festival ficará apenas com a edição ‘Around the World‘, que acontecerá nos dias 16 e 17 de Julho, de forma virtual. A notícia atinge também outros grandes festivais belgas, que estavam se planejando para a abertura oficial do verão europeu. Outros destinos semelhantes também ficam preocupados, já que a intenção é de não permitir novos eventos do gênero em países próximos. Alguns dos grandes que estão no jogo do vai ou não vai são os ABGT450, em Londres, ASOT1000, em Amsterdam, Drumcode, em Malta e Untold, na Romênia. Confira abaixo o comunicado oficial do Tomorrowland:

”Nos últimos meses, a esperança de um grande verão cresceu de forma estável. Com a redução de números do coronavírus, foram anunciadas medidas de retomada das restrições gradualmente. A estratégia de vacinação em massa alcançou uma alta velocidade, o certificado de vacinação e o ticket de segurança (testes negativos) foram introduzidos no fim do verão. Dado o quadro positivo do governo federal flamingo (belga), em Abril e Maio, criando a possibilidade de organizar festivais a partir do 2º semestre de agosto, iniciamos os preparativos para a nossa 16º edição do Tomorrowland, finalmente, após 3 outras edições canceladas, Tomorrowland Winter 2020, Tomorrowland Belgium 2020 e Tomorrowland Winter 2021. Poderíamos enfim receber o People of Tomorrow na Bélgica mais uma vez, após dois anos e sob condições de limitação.

Até que quinta feira, 17 de Junho, as autoridades locais recusaram a emissão das licenças para a realização do festival em 2021. A decisão dos prefeitos de Boom e Rumst nos pegou totalmente de surpresa, já que o governo federal já tinha nos dado a luz verde, além de muitos serviços cruciais, incluindo o corpo de bombeiros, médicos e serviços de emergência e testagem local. Os motivos citados pelos municípios não são mensuráveis, visto que há falta do decreto permitindo oficialmente eventos de até 75 mil pessoas por dia, foi publicado neste momento. Foi recusado um contrato de cooperação entre a segurança privada e a polícia em relação a verificações de identificação da testagem negativa de covid-19.

Não aceitamos as coisas levemente quando levamos nossa marca neste casos. os últimos meses contamos e falamos de forma abrangente com autoridades, especialistas em diversos focos, incluindo até uma própria equipe especializada em covid em nossa organização e todos os órgãos oficiais possíveis.

– Em 2021 permitiríamos apenas turistas da Europa e não do mundo todo.
– Neste ano, o Tomorrowland seria menos internacional e mais local, disponibilizando ingressos disponíveis primeiramente para os belgas na lista de espera. Assim, cerca de 75% da capacidade seria nacional e os outros 25% europeus, com a maioria vinda de países vizinhos.
– Ingressos de países onde os números de casos aumentariam neste dois meses, seriam cancelados.
– No segundo fim de semana (3,4 e 5 de Setembro) queríamos alterar o horário de encerramento de alguns dias, por causa do retorno do ano escolar. Também disponibilizando melhores medidas de mobilidade.
– Estávamos dispostos a fazer tudo ao nosso poder para garantir a segurança dos nossos festivaleiros, artistas e colaboradores locais.
– Indicamos repetidamente que sempre avaliamos e antecipamos a situação epidemiológica, pois um festival deste porte e com condições segurar é nossa prioridade.

Apesar de todo esse planos detalhados apresentados, dos estudos realizados por nós, do apoio em massa e de recomendações recebidas por todos os especialistas, não tivemos outra opção a não ser adiar a 16ª edição do Tomorrowland até o ano que vem. Nesta última semana, voltamos focados em um diálogo construtivo, porque permanecemos convencidos que poderíamos organizar um Tomorrow seguro. Todas as questões técnicas organizacionais já haviam sido liberadas. No entanto, as licenças munícipes não. Em particular, a ausência de um relatório viral equilibrado em manter nosso quadro organizacional é a razão pelo qual um novo estágio é imposto. Considerando nossa parceria de longa duração com os municípios, não queremos mais discutir.”

Comentários

Formado em Administração de Negócios com ênfase em Marketing, pós graduando em comunicação. DJ, poeta e workaholic. Amante de um bom som, um amanhecer e uma boa dose de esperança.

Leia Também:

Descubra

Brasileiro radicado em Portugal, Quant, que mistura Tech House, G-House e criatividade, é personagem da nossa coluna Descubra. Confira! Nascido em Goiás e radicado...

Via UnderGROUND

Após desligamento oficial do Warung Beach Club, Renato Ratier anuncia seu novo projeto, o Surreal, em Camboriú. Leia a nota oficial: Quem acompanha a...

Lançamentos

A gravadora de Kyle Watson, Box of Cats, assina o lançamento ‘Toxic Ways’ de Gorillowz, Howz e Roddy Lima. Escute agora! O duo Gorillowz...

Mainstage

WME lança IGUAL, selo que chancela eventos e marcas que colocam a mulher em pé de igualdade nos line-ups, com série de festas na...

Publicidade

Beat for Beat © 2020 | CNPJ 16.853.408/0001-46 | (11) 98602-8789